Naviera Armas

Su navegador web no está actualizado.

Está utilizando un navegador obsoleto que no es compatible con el portal web de Naviera Armas.

Algunas funciones no estarán disponibles. Navegadores recomendados:

Firefox Gogle Chrome Internet Explorer

Notícias

Os madeirenses escolhem as canárias para as suas férias da semana santa

Os madeirenses estão a converter-se em fiéis turistas das Canárias, destino que cada vez escolhem mais para passarem as suas férias. Hoje arribaram às Canárias mais de 700 passageiros provenientes do Funchal, a bordo do Volcán de Tijarafe, para desfrutarem das suas férias da Semana Santa. Na sua maioria são jovens estudantes e passarão dez dias de férias nas ilhas.

O porto de Santa Cruz de Tenerife e o de La Luz falavam hoje português devido à quantidade de passageiros da Madeira que ocuparam os seus cais, tantos que ocupariam dez aviões. Não há dúvida de que as Canárias se converteram no destino principal dos madeirenses, conforme regista a própria imprensa portuguesa na sua análise dos destinos preferidos pelos seus cidadãos para estas férias da Semana Santa.

A Naviera Armas tem um serviço regular com a Madeira e a Península (Porto de Portimão, no Sul de Portugal) há três anos, partindo todas as sextas-feiras à tarde do Porto de La Luz. Esta linha representa uma alternativa económica para as ligações com a Península e um laço de união comercial e social entre os arquipélagos das Canárias e da Madeira.

A Armas é a única companhia de navegação que liga todas as ilhas do Arquipélago das Canárias e está virando esta experiência com a aposta de ligar a Madeira, onde o barco se está a converter - tal como acontece nas Canárias - num meio de transporte popular. As viagens de ferry ganham adeptos nos dois arquipélagos devido às boas condições oferecidas a bordo, à regularidade e à rapidez.

A Naviera Armas mantém a sua liderança nas Canárias com uma oferta constante de novos serviços, trajectos e produtos inovadores, tendo em atenção a procura de uma maior disponibilidade de ligações por parte dos utilizadores.

Call Centre - 902 456 500